11 de outubro de 2016

quem é você... Martha Medeiros, em ‘De Cara Lavada’


quem é você dentro de mim
que não teme a opinião alheia
que se alimenta de dinamite
que explodindo não incendeia
quem é você por trás dos meus atos
que quando concordo suspeita
que quando aceito discorda
que quando adormeço não deita
quem é você escondida em meu corpo
que arranca a folha da agenda
que vive fazendo minha mala
que não reconhece minha letra
quem é você invisível no espelho
que sempre me despenteia

2 comentários:

Anônimo disse...

Welcome back home! Xxx

Elaine Faria disse...

Thank you so much (T) Xxx, I really appreciate it! Have a happy weekend my sweet friend! Big hug! :)