29 de abril de 2016

Fragmentos - "Um Ourives das Palavras" - Amadeu de Almeida Prado (de Pascal Mercier, em "Trem Noturno para Lisboa")


" Se podemos viver
apenas uma pequena parte
do que há dentro de nós...
o que acontece com o resto?"

&


"Vivemos aqui e agora.
Tudo o que aconteceu antes
ou em outros lugares é passado,
em grande parte esquecido."

&


O que poderia...
O que deveria ser feito
Com todo o tempo que temos pela frente?
Em aberto e ainda sem forma
Leve como o ar em sua liberdade
e pesado como chumbo em sua incerteza.
É um desejo,
um simples e nostálgico sonho,
voltar a determinado ponto de nossa vida
e poder tomar um rumo completamente
diferente daquele que fez
de nós  quem somos."

&

Nenhum comentário: