8 de dezembro de 2010

Para sempre... Vergilio Ferreira


Uma vontade enorme de te tocar,
fechar-te de novo na palma da
minha mão para seres real,
integrar a tua realidade na certeza
da minha carne.

Nenhum comentário: